Técnicos conseguem invadir urna eletrônica durante teste; TSE diz que falhas serão corrigidas

IMAGEM DE ARQUIVO

Especialistas em informática participaram de teste público de segurança das urnas eletrônicas a serem usadas na eleição de 2018 e conseguiram decifrar arquivos internos do equipamento. Segundo o coordenador de sistemas eleitorais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), José de Melo Cruz, é “possível” que os técnicos tenham conseguido identificar como foi o último voto registrado numa urna. A informação foi passada pela manhã, quando os testes ainda estavam sendo feitos. Os resultados só devem ser divulgados no dia 12 de dezembro. “Eles não tiveram acesso a dados do eleitor, tiveram acesso ao ‘log’, que é aquele sistema que vai monitorando a urna e escrevendo tudo que acontece na urna eletrônica, como a caixa preta de um avião, que vai registrando todos os dados do voo. E conseguiram acesso ao RDV, que é o registro digital do voto, mas não de alterar o RDV, mas sim de observá-lo”, disse José de Melo Cruz.

FONTE: TSE

  1. Gustavo Autor do post

    Ainda prefiro as urnas pois elas não tem conexão com a internet, ou seja, para serem fraudadas um hacker especialista teria que ir pessoalmente ao local ou fraudar o software de leitura dos pendrives que transferem os dados da urna para o TSE, mas novamente cada zona eleitoral teria que ser atacada. O voto impresso é muito mais suscetível a fraudes, é possível fraudar os papeis, fraudar a contagem, e até substituir urnas inteiras, é preciso muito menos pra conseguir manipular um pedaço de papel.

  2. Milton Rodrigues Autor do post

    Países de primeiro mundo não são perfeitos amigo, não use eles c.0m.0 método de comparação pra tudo. Acha que fazer tudo igual fazem nesses países vai dar certo? Acha que uma lei que funciona lá em todos os casos funcionaria aqui? Cada país tem suas especificidades, há coisas que funcionam aqui e não funcionam lá. Sem mencionar que lá também há corrupção em grande escala, Itália e Rússia são exemplo, e lá não há urnas.

  3. Raphael Autor do post

    TBM SEMPRE PENSEI ISSO ,SE ISSO FOSSE 100% SEGURO OS PAÍSES DE PRIMEIRO MUNDO JA TINHAM ADOTADO A DÉCADAS ESSE TIPO DE VOTAÇÃO ,MAS ESQUEÇAM BRASIL É UM BORDEL ,CABARÉ DE TUDO QUE NAO PRESTA EMPESTADO DE LADRAO

  4. Onofro Silva Autor do post

    urnas eletrônicas com voto impresso aí sim acho seguro, mas o resto é possível fraude, se conseguem bilhões para as campanhas milionárias, porque não conseguem dinheiro para a impressão dos votos, porque não há interesse em transparência?

  5. Muriaeense inconformado Autor do post

    Tem que imprimir o voto e esse ser colocado em urna para contagem comprobatória, a divulgação do pleito só deveria ocorrer depois de 70% das urnas serem comparadas. Essas urnas não são confiáveis, podem introduzir um sistema nelas que durante a verificação tá OK e com um gatilho (senha) digitado durante a votação a fraude se ativa. Programação possibilita muitas formas de fraude…

  6. elizangela Martins Autor do post

    voto impresso vai mudar em nada se a urna estiver fraudada. o voto vai ser impresso aquele que sera contabilizado pela urna e o eleitor nao vai poder levar o impresso pra casa. ou sera que e esse o objeto do pessoal que quer voto impresso , um comprovante para compra e venda de voto?

  7. Tito Autor do post

    É indiscutível que qualquer sistema eletrônico pode ser invadido. Basta verificarmos o que os hackers já fizeram em sistemas que se acreditavam invioláveis, por ex. pentágono, casa-branca, etc… Voltemos urgente ao velho e confiável voto no papel.

  8. Assis Paula Autor do post

    Não confio, simples assim. Qualquer sistema pode ser violado. Em qualquer fase. A urna é um detalhe. (chame os russos , kkkk)

  9. Sergio Autor do post

    Sem termos acesso ao código, nada pode ser garantido. A própria inserção do código pode estar contaminada. Estes testes não comprovam nada. A questão é: quem escreveu o código ? Como podemos saber se o mesmo código está sendo executado em todas as máquinas ? Como é o processo de fabricação, manutenção e suporte ? Em qualquer uma das etapas o processo pode ser violado.Provar que a urna não pode ser invadida é apenas um, dentre milhares de procedimentos que deveriam ser validados. E quem é que valida o validador ?

  10. Eleitor revoltado Autor do post

    Urna eletrônica por isso que somos o único país do mundo que teve uma besta na presidência.

  11. Luis Barros Autor do post

    na próxima eleição seremos roubado novamente o bandido do Gilmar mendes presidindo o TSE, não podemos esperar outra coisa

  12. Antonio Rocha Autor do post

    Luis, nós, não seremos roubados, neste momento já estamos sendo roubados, de qualquer forma, nós não temos força nenhuma para reagir diante de um sistema político corrompido .

  13. jorge luiz braga

    Mas que prejuízo para nos brasileiros, podem consertar os erros agora , mas os prejuízos que candidatos nos proporcionaram é impagável, quem vai nos devolver o que este que foram eleitos roubaram do Brasil.

  14. paulo

    Olha que vergonha….o próprio TSE diz que não vai cumpri a Lei aprovada em 2015, que determina o voto impresso em 2018……Se o Brasil fosse um país sério esse Gilmar Mendes já estaria preso há bastante tempo!

  15. Carlos Silva

    Será que o TSE vai comentar o resultado da invasão???????? eles vão vão falar o que eles querem…………..mentiras

  16. Renato Andrade Autor do post

    Mas que prejuízo para nos brasileiros, podem consertar os erros agora , mas os prejuízos que candidatos nos proporcionaram é impagável, quem vai nos devolver o que este que foram eleitos roubaram do Brasil.

  17. Sabrina Autor do post

    Alguém ainda confiam em resultado de URNAS ELETRÔNICAS? Por que será que no mundo inteiro, somente o Brasil utiliza UE? Será que a tecnologia por aqui é muito superior e a prova de fraudes que o restante do mundo como Japão, Estados Unidos, China, Coreia do Sul, Israel, etc?

  18. Henrique Praxedes Autor do post

    Votação manual, no “papelzinho” também não é um sistema imune à fraude. Urnas físicas também podem ser violadas, cédulas em branco podem ser preenchidas posteriormente, enfim… Não há sistema 100% seguro!

  19. Jeferson Batista Autor do post

    Nenhum sistema é imune a fraude, porém são auditáveis, diferente das urnas eletrônicas.

  20. Eleitor desiludido Autor do post

    Se o voto deixasse de ser secreto, as urnas eletrônicas teriam uma confiabilidade muito maior, pois seria possível atrelar cada voto ao CPF de quem vota, permitindo, inclusive, que se elimine os votos com CPFs inválidos ou duplicados. Mas é cláusula pétrea, seria preciso fazer uma nova Constituição, algo bem complicado.

  21. Verdade Real Autor do post

    Mas quem faz a “auditoria” são eles. Eu não conheço ninguém que tenha sido chamada para conferir, até mesmo porque quem tem capacidade técnica para garantir que um hacker ou “funcionário do TSE” fez manipulação. É a maior furada.

  22. Muriaeense inconformado Autor do post

    Por quê testam do lado errado? A maior probabilidade de fraude não é nos terminais, mas no computador que interpreta e soma os votos. Esse programa é que tem que ser auditado. Ou então se colocar 2 computadores em paralelo na contagem de votos, com auditorias diferentes.

  23. PRB Autor do post

    Mas que prejuízo para nos brasileiros, podem consertar os erros agora , mas os prejuízos que candidatos nos proporcionaram é impagável, quem vai nos devolver o que este que foram eleitos roubaram do Brasil.

  24. Victória Maria Autor do post

    Olha que vergonha….o próprio TSE diz que não vai cumpri a Lei aprovada em 2015, que determina o voto impresso em 2018……Se o Brasil fosse um país sério esse Gilmar Mendes já estaria preso há bastante tempo!

  25. Sabrina Autor do post

    Alguém ainda confiam em resultado de URNAS ELETRÔNICAS? Por que será que no mundo inteiro, somente o Brasil utiliza UE? Será que a tecnologia por aqui é muito superior e a prova de fraudes que o restante do mundo como Japão, Estados Unidos, China, Coreia do Sul, Israel, etc?

  26. Adriano Moreira Autor do post

    O que adianta ter o voto impresso em apenas 5% das urnas ??!!! Queremos então o voto da maneira antiga no papel sem urna eletrônica !!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *