Desembargador autoriza governo a retomar propaganda sobre reforma da Previdência

imagem ilustrativa

O desembargador federal Hilton Queiroz, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, autorizou que o governo federal retome a veiculação de campanha sobre a reforma da Previdência Social em televisão, rádio, jornais, revistas, internet e outdoors. A veiculação da campanha foi suspensa na quinta-feira (30), por decisão da juíza Rosimayre Gonçalves de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, que atendeu a ação da Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip). A campanha divulgada pelo governo afirma que, com a reforma, o governo quer combater privilégios. “Tem muita gente no Brasil que trabalha pouco, ganha muito e se aposenta cedo”. A campanha afirma, ainda, que com o “corte de privilégios”, o país terá mais recursos para cuidar da saúde, educação e segurança. A Anfip argumenta que as peças não têm cunho educativo e apresentam mensagem “inverídica” sobre as mudanças nas regras de aposentadoria. A juíza Rosimayre concordou com a entidade, destacando que, na propaganda, o governo promove “desqualificação de parte dos cidadãos brasileiros”, em referência aos servidores públicos.

  1. Acorda povo Autor do post

    Não há como manter um nível de aposentadorias dos Servidores Públicos como o que existe hoje no Brasil. Logo, logo, não vai haver dinheiro para pagar as aposentadorias, inclusive do setor privado. O Brasil está tecnicamente falido. Dinheiro não dá em árvore e é proibido emitir moeda para pagamentos, como o Maduro faz na Venezuela, gerando a hiper inflação. Se faz a reforma ou a Previdência acaba para todo o mundo.

  2. Andre Arisa Autor do post

    Tom,vc não sabe de nada! O rombo na Previdência é causado pelos bilhões de reais em dívidas perdoadas, pelos políticos que ganham fortunas e não descontam um centavo de Previdência. Vc sabia que o Temer perdoou uma dívida do Itaú com a Previdência no valor de 25 bilhões de reais, e que os governos anteriores também mantinham essa mesma prática? Estes são os verdadeiros culpados pelo rombo, não os servidores públicos.

  3. Felipe Ricardo Autor do post

    Não há como manter?! Pq exatamente??? Fale em números por favor, já que estamos falando de economia. Vc já falou besteira uma vez, agora o que sustenta seu argumento, por favor sem sair pela tangente dessa vez. Grato!

  4. Carlos Silva Autor do post

    Sou servidor público e sou a favor da reforma. Mas esses caras aí não tem boas intenções. Querem sugar o que for possível de quem trabalha.

  5. Andre Arisa Autor do post

    Quanto vcs acham que o Temer embolsou do Itaú para perdoar essa dívida de 25 bilhões com a Previdência?

  6. Joao M Autor do post

    A decisao do desembargador surpreende. Ter opinião é justo. Agora permitir uma descarada propaganda mentirosa é o fim.

  7. José Netto Autor do post

    Tá na hora de começarmos é matar essas DESGRAÇAS, ou nós acabamos com eles ou eles acabam com todos nós e o país. A GANÂNCIA e a incompetência desses ladrões nunca vai parar, até a roupa desses miseráveis nós pagamos!

  8. Pablo Silva Autor do post

    Chega a ser engraçado TD essa balela sobre a previdência, o governo diz q no Brasil tem gente q trabalha pouco e ganham muito… E esquecem q são eles mesmos, q trabalham nd, tem dois meses de férias no ano e ainda ganham muito p roubar. E nós brasileiros q trabalhamos muito p ganhar pouco, temos q ceder o nosso direito de se aposentar, p pagar o q eles roubaram da gente. Esses governos não tem noção do q os aguardam na próxima eleição. Vamos divulgar a cara de cada um (político) q é a favor desse crime q é chamado de Reforma da Previdência.

  9. Eleitor desiludido Autor do post

    A propaganda enganosa voltou a ser liberada, eles tentam pregar a ideia de que estão atacando “apenas privilégios” mas não informam direito, que o cidadão para poder se aposentar integralmente( num teto que não é muito grande de 5500 reais), vai ter que contribuir por pelo menos 40 anos.

  10. Igor Souza Autor do post

    Isso é pura falta de conhecimento por parte do governo federal. Na minha opinião não deveria ter autorizado. Tem que ser barrados.

  11. Daniel Viana Autor do post

    Acabem com os privilégios de políticos detentores de cargos públicos, se querem mostrar que estão bem intencionados, contraste visível com a atual situação da maior parte da população. A quem querem enganar ?

  12. EU TENHO VERGONHA Autor do post

    se o governo esta sem dinheiro porque deu isenção de 1 bilhão as empresas de petróleo esta semana!!! acorda povo! MP DO TRILHÃO olha na internet!!!

  13. Luiz Quirino Autor do post

    Voces acham de verdade que do jeito que esta, esta bom? Que vamos conseguir pagar aposentadorias daqui 20 anos? Sendo que a cada ano fecha negativo e mais negativo. Deixa do jeito que esta? Economistas são todos retardados na opinião de voces? Todos dizem que se nao tiver reforma quebra. Mas não voces que sao genios, problema esta é na roubalheira, largem de ser bestas, 700 bilhoes de gasta com previdencia, daqui a uns anos sera 1 trilhão de reais, voce realmente acham que os politicos roubam trilhoes. São ladroes, isso é fato, mas voces estao tampando sol com peneira!

  14. joselito Autor do post

    Você acredita que é verdade o deficit da previdência? Como explicar, então, se o governo acaba de perdoar dívida de previdência de grandes bancos e empresas, na ordem de 500 bilhões, quase três vezes o valor que o governo alega. O grande problema, como sempre, é questão de gestão e desvio. O advento dessa tal “reforma”, é apenas mais um passo no plano de tornar o país socialista, uma vez que não vai melhorar para ninguém, vai, sim, igualar todos os trabalhadores(ao se aposentarem) na linha da miséria. Miséria, isto, sim, o socialismo sabe produzir.

  15. Emanoel Paiva Autor do post

    Em 2015 42,26% do pib foram utilizados para pagar juros de dívida. Que juros são esses? Isso ninguém comenta.

  16. Lani Autor do post

    Ficha Suja não tem competência para legislar, votar ou representar o cidadão, o trabalhador que é o Patrão. E ainda tem que autoriza a volta da publicidade

  17. Wilian Borg Autor do post

    O Desembargador está certo!! Aplaudido e reconhecido por ser decente e justo! Precisamos de homens assim a serviço da nação, aqueles que agora torcem para o ruim tem as mentes nefastas e vazias…

  18. Sabrina Autor do post

    Essa obsessão pela reforma da previdência é para esconder o rombo das contas públicas pela corrupção. Por que não falam das grandes empresas brasileiras que estão devendo mais de 1 trilhão de reais. Querem anistiar as empresas às custas do cidadão brasileiro. Procurem no Google sobre a auditora da RF Maria Lúcia Fattorelli, sobre Denise Gentil e sobre a CPI da previdência do Senador Paulo Paim, e saiba porque a Previdência não está em crise; conheça todo o mecanismo do Sistema Previdencial que o torna auto-sustentável e a provas de crises. CRISE DA PREVIDÊNCIA É FALÁCIA DO GOVERNO.

  19. Indignada Autor do post

    Se querem dinheiro em caixa, primeiramente combatam a corrupção e roubalheira que consomem 60% do PIP, mude a constituição para leis mais rígidas que evitem a impunidade, e por fim façam REFORMA DOS PRIVILÉGIOS DOS POLÍTICOS que é o maior responsável pelo Custo Brasil, um dos maiores do planeta. Veja abaixo exemplo de um deputado federal.

  20. Kalvin Albuquerque Autor do post

    Ou seja, o “nobre” desembargador ratifica que as mentiras divulgadas pelo governo continuem sendo divulgadas para emburrecimento total da população – que já se encontra bem nesse nível mesmo. Parabéns povo brasileiro por se manterem omissos.

  21. Muriaeense indignado Autor do post

    Aplaudido e reconhecido por ser decente e justo! Precisamos de homens assim a serviço da nação, aqueles que agora torcem para o ruim tem as mentes nefastas e vazias…

  22. Marcelo Autor do post

    Se querem dinheiro em caixa, primeiramente combatam a corrupção e roubalheira que consomem 60% do PIP, mude a constituição para leis mais rígidas que evitem a impunidade, e por fim façam REFORMA DOS PRIVILÉGIOS DOS POLÍTICOS que é o maior responsável pelo Custo Brasil, um dos maiores do planeta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *