Líder do governo no Senado diz que votação da reforma da Previdência ficará para fevereiro de 2018

Líder do governo diz que votação da reforma da Previdência ficará para 2018

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), afirmou que a votação da proposta da reforma da previdência ocorrerá somente em fevereiro do ano que vem. De acordo com o senador, a decisão foi tomada após acordo entre os presidentes do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Jucá disse que o Palácio do Planalto “participou do entendimento”. A informação foi divulgada, primeiramente, pela assessoria de imprensa do senador. Depois, em entrevista coletiva, Jucá confirmou o adiamento, mas acrescentou a possibilidade de o tema ser analisado antes de fevereiro, em uma eventual convocação extraordinária do Congresso Nacional. Ao fazer o anúncio, o líder do governo no Senado disse que a reforma da Previdência é importante não para o governo Michel Temer, mas para os próximos governos e para o pagamento de aposentadorias. “Por uma combinação entre o presidente Eunício e o presidente Rodrigo Maia hoje será votado o Orçamento federal. Sendo votado o Orçamento, forçosamente, na próxima semana não haverá um quórum da forma que nós queremos para votar a reforma”, justificou Jucá. “Então a reforma vai aguardar mais alguns dias para possa ser votada ou em fevereiro ou até, se houver o entendimento entre os presidentes das duas Casas, em uma convocação extraordinária”, completou. O governo vinha, nas últimas semanas, negociando para tentar votar a proposta na Câmara ainda neste ano. Defensor da proposta, Maia é um dos principais articuladores nessa discussão. Apesar de ter atribuído o adiamento a um eventual esvaziamento do Congresso na próxima semana, Jucá reconheceu que o governo ainda não tem os 308 votos necessários para aprovar o tema.

  1. Valério Autor do post

    Essa reforma apenas acaba obrigando as pessoas a fazer uma contribuição privada. Bom para os bancos que arrecadam com os seus PREVs da vida.

  2. Maria Monteiro Autor do post

    Sem explicar porque perdoa dívida de poderosos e que liquidar com os direitos previdenciários jamais terá o apoio da população.

  3. Carlos Conde Autor do post

    EM UM PROGRAMA DE TV , O MARCELO CAETANO FOI PERGUNTADO SOBRE O QUE O GOVERNO ESTÁ FAZENDO PARA COBRAR A DÍVIDA DE CENTENAS DE BILHÕES DE REAIS, QUE VÁRIAS EMPRESAS TEM COM A PREVIDÊNCIA. . ELE CONFIRMOU A DÍVIDA, E DISSE QUE ELA, REALMENTE, É MAIOR DO QUE O ATUAL DÉFICIT DA PREVIDÊNCIA, MAS, QUE A DÍVIDA TEM QUE SER COBRADA COM CUIDADO, PORQUE TEM EMPRESAS QUE JÁ FALIRAM. . AÍ EU PERGUNTO, E POR QUE NÃO COBRAM DOS EMPRESÁRIOS, DONOS DESSAS EMPRESAS QUE FALIRAM? . . POR QUE SÓ QUEREM COBRAR DO TRABALHADORES?

  4. João Autor do post

    ALGUÉM AQUI CONHECE DE VERDADE AS PROPOSTAS DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA PRA ESTAR CRITICANDO A MEDIDA DESSE JEITO? LERAM ALGUMA PARTE PELO MENOS DA PEC 287???

  5. Dejano Autor do post

    Ei seu João!!! Eu ja li e reli. O governo diz que a reforma é para brecar com os privilégios dos funcionários publicos. Os autarquicos propriamente dito. Diz que 20% desses consomem 70% de todos. Isso é muito simples de resolver: Faz mudanças só no funcionalismo publico. Enquadre os funcionários públicos no regime geral da previdencia. Não precisa atacar os coitados que trabalham carregando concreto e faze-los trabalharem até 65 anos.

  6. João Autor do post

    Se vc leu, entao vc encontrou a parte que fala que Servidores e Políticos vao se enquadar no regime geral do INSS. Se nao encontrou eu nao posso fazer nada, pq está lá e eu achei. E a maioria dos pobres já se aposenta aos 65 anos. Pros mais pobres a Reforma nao muda nada.

  7. Eleitor desiludido Autor do post

    Diante de tantas derrotas do povo, uma vitória em cima desses canalhas, em fevereiro a campanha segue firme. Quem votar, não volta!!

  8. Indignado Autor do post

    Seria perfeito se o povo agisse assim mas se der 50,00 no dia da eleição vale mais do que qq reforma. Como um ladrão igual ao Renan Calheiros e Aecio tem coragem de se candidatar? E o senador Fernando Collor.

  9. Eleitor Consciente Autor do post

    Campanha: nenhum será reeleito! A OrCrim ainda está presente no Estado e a sangria vai continuar?!! O povo não merece a corrupção destruindo o país a décadas. Infelizmente as instituições não são capazes de serem proativas a ponto de evitar um desvio de bilhões por ano, 2,3% do PIB, segundo a ONU. Não dá mais pra continuar alimentando o mesmo sistema de governo e os mesmos agentes políticos. Se não houver candidato novo e sem vínculo com ex-político, então votarei nulo. Veja o abaixo-assinado “Nova Constituição Anticorrupção com Democracia Direta Digital – DDD já!”.

  10. Paula

    Fevereiro de 2019, e olha lá, se não saiu agora imagina no ano que vem. Não é reforma, é DEforma, injusta, mentirosa, se o setor público ganha mais não seria porque o seu salário da ativa também é maior, porque talvez tenha estudado mais, PAGADO MUIIIIIIIIIITO IMPOSTO DE RENDA QUE VAI BENEFICIAR ATÉ QUEM NUNCA PAGOU IMPOSTO DE RENDA(ISSO ENTÃO SERIA JUSTO?), SEM FALAR QUE A CORREÇÃO DA TABELA NÃO É FEITA A MAIS DE 5 ANOS. Militares de fora, polítocos e com claros objetivos de fazer os bancos venderem previdência privada. A Globo deveria se ocupar de explicar seu nome na lama da corrupção, subornando dirigentes pra direitos de transmissão e outras tretas. Qual a família mais rica do Brasil: MARINHO, DONOS DA GLOBO, JUNTOS OS 3 IRMÃOS TEM MAIS DE 12 BILHÕES DE REAIS, PORQUE NÃO FAZEM JUSTIÇA SOCIAL QUE PREGAM COM A REFORMA E DOAM PARTE DESSA FORTUNA OU DEFENDAM O IMPOSTO SOBRE GRANDES FORTUNAS, COMUNISMO À LA GLOBO, SÓ FALTAVA ESSA. 2 LIXOS DO BRASIL: GLOBO E PMDB…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *