Governo autoriza reajustes de até 5,85% nos preços dos medicamentos

Os novos preços entram em vigor a partir de 31 de março e terão de ser mantidos até março de 2013. As regras valem para cerca de 20 mil itens do mercado farmacêutico, como antibióticos e remédios de uso contínuo. Medicamentos de alta concorrência no mercado, fitoterápicos e homeopáticos não estão sujeitos aos valores determinados pela CMED – seus preços podem variar de acordo com a determinação do fabricante.

Os valores de reajuste provocaram uma reação imediata do setor. O Sindusfarma divulgou nota mostrando preocupação com a determinação de reajuste negativo de 0,25%. Eles afirmam que a redução compromete a rentabilidade do setor e, com isso, a perspectiva de lançamentos de produtos e investimentos das empresas.

O cálculo de reajuste de remédios leva em conta uma série de fatores. O primeiro deles é o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado entre março de 2011 e fevereiro de 2012. Além disso, é observada a competitividade de determinado remédio no mercado, avaliada pelo nível de participação de genéricos nas vendas do segmento. Quanto maior a participação de genéricos nas vendas, maior o porcentual de reajuste. A composição do índice de reajuste observa também o ganho de produtividade. São fixadas três faixas de reajuste, que obedecem a esse critério.

O reajuste de preços não é imediato. Para aplicar o aumento, empresas produtoras de medicamentos deverão apresentar à CMED um relatório informando os porcentuais que querem aplicar. O valor fixado pela CMED é o teto. As empresas podem, portanto, fixar preços menores.

Fonte: Agência Estado

Prefeito assina convênio para a construção de mais casas populares

Em reunião realizada no Centro Administrativo, a Prefeitura de Muriaé e o Banco do Brasil (BB) firmaram convênio para a construção de até 617 novas moradias populares no distrito de Vermelho. Além de representantes das duas instituições, o encontro teve ainda as presenças do deputado federal Renzo Braz, do vereador Devail Corrêa e de sócios-proprietários da empresa SRQ Construções, que ficará responsável pelas obras.

Ao contrário dos projetos anteriores do programa “Minha Casa, Minha Vida” no município, deverão ser construídas apenas casas – o Residencial Nova Muriaé, inaugurado em 2010, conta com 76 sobrados de dois andares, enquanto o conjunto habitacional que está sendo erguido no bairro Dornelas II terá 10 prédios de quatro pavimentos. As novas moradias serão destinadas a famílias com renda de até três salários mínimos.

– A Prefeitura irá fazer o cadastro de famílias e enviar a listagem ao Banco do Brasil. A palavra final sobre os contemplados pelas casas será do banco – explica o prefeito.

A expectativa é que as obras comecem já nos próximos dias. A novidade é que, desta vez, as casas terão aquecedores solares, permitindo a economia de energia elétrica. O projeto, orçado em R$32 milhões, prevê ainda a construção de uma área de convivência para os futuros moradores do conjunto habitacional.

BB como agente financiador
Conforme anunciado pelo Ministério do Planejamento no ano passado, o Banco do Brasil também passa a atuar como agente financiador do “Minha Casa, Minha Vida” – até então, apenas a Caixa Econômica Federal fazia esse papel. De acordo com o superintendente regional da instituição, Alexandro Rabelo, Muriaé é o primeiro município a firmar convênio com o BB para a construção de moradias populares.

Saiba como preparar um delicioso pudim de cenoura

Ingredientes
Pudim
3 cenouras
1 cebola
3 ovos
2 colheres (sopa) de farinha de trigo
1 tablete de caldo galinha com azeite
Meia xícara (chá) de leite morno
Manteiga para untar
Farinha de trigo para polvilhar

Cobertura
Meio copo de requeijão cremoso
1 colher (sopa) de salsa picada
1 colher (chá) de cebolinha verde

Modo de Preparo
Pudim:
Bata no liquidificador as cenouras, a cebola e os ovos até obter um purê. Passe para uma tigela, misture bem a farinha e adicione o caldo de galinha dissolvido no leite. Reserve. Despeje em uma fôrma com furo central (19 cm de diâmetro) untada e polvilhada. Leve ao forno médio (180 °C), em banho-maria e coberto com papel de alumínio, por cerca de uma hora ou até estar cozido.

Cobertura
Misture o requeijão cremoso com a salsa e a cebolinha e reserve. Desenforme o pudim morno e cubra com a cobertura de requeijão cremoso. Sirva a seguir.
Dicas:
– Esta receita é uma nutritiva sugestão de entrada ou até mesmo acompanhamento.
– As cenouras devem estar firmes e de cor intensa para o consumo, sem pigmentação verde ou roxa na parte superior. Embora não tóxica, a cor verde indica que a cenoura
é mais amarga.

Sobre a receita

Rendimento: 8 porções
Tempo de Preparo: 30 minutos

Morre o humorista Chico Anysio

Chico Anysio

O humorista, ator e escritor Chico Anysio morreu às 14h52 desta sexta-feira (23), aos 80 anos, em decorrência de falência de múltiplos órgãos. Chico não resistiu a uma parada cardiorrespiratória. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa do hospital Samaritano, onde ele estava internado, no Rio de Janeiro.

O velório de Chico deve acontecer no Theatro Municipal do Rio, e será aberto ao público. O corpo do comediante será cremado no domingo, ainda sem previsão de horário.

Chico estava internado desde o dia 30 de novembro de 2011. O humorista chegou a ter alta no dia 21 de dezembro, mas retornou à unidade médica no dia seguinte, 22 de dezembro, depois de apresentar hemorragia digestiva.