Presídio de Carangola passa por melhorias a partir da mão de obra carcerária

 PRESIDIO de Carangola, na Zona da Mata mineira, passa por obras de ampliação e melhorias, com previsão de término até maio deste ano.Aproximadamente 20 detentos da própria unidade trabalham, há cerca de dois anos, na construção de celas, muralha, passarela, pátio e salas operacionais e administrativas. A execução não onerou o Estado, pois a mão de obra é integralmente carcerária e os recursos utilizados foram obtidos por meio de verbas pecuniárias. A partir das edificações, a capacidade do presídio crescerá 40%, com a criação de 24 novas vagas. Atualmente, elas somam 60. Outra preocupação da diretoria é com a segurança no espaço: um paredão que vem sendo construído impedirá o acesso dos pavilhões ao pátio. Além disso, todo o prédio está se adequando às normas de acessibilidade, recebendo estruturas como rampas para cadeirantes. A reforma teve início em 2018, quando foi levantado o pátio para banho de sol. Já em outubro de 2019, foram entregues uma portaria, um almoxarifado, uma área de inspetoria, um local para vistoria de alimentos e dois ambientes destinados à revista de visitantes, sendo um feminino e um masculino. No momento, efetua-se a implantação de quatro celas e de uma passarela que liga dois muros.

RODOVIA, BURACOS, PREJUÍZOS…. ESTÁ CADA VEZ MAIS DIFÍCIL CHEGAR À JUIZ DE FORA

Visitamos  toda a extensão da Rodovia Federal BR-267, no trecho Leopoldina-Juiz de Fora, para ver de perto as dezenas de buracos na rodovia que ganharam fama, e vem causando prejuízos, risco para a viagem (pois o trânsito é intenso) e ainda milhares de reclamações. Virou o assunto nos últimos dias e a pedido de muriaeenses que passam pelo local todo dia a negócios, pois Juiz de Fora tem uma ligação estreita com Muriaé, e até mesmo muitos visitam a cidade para lazer, lá estão os únicos Shopping Centers desta região. Dos 85 Km percorridos, a viagem vai bem até cerca de 50 Km deles, e quando vai se aproximando do município de Bicas, os famosos e grandes buracos começam a aparecer e depois de Bicas até o distrito Sarandira, em Juiz de Fora, aí sim é visível o tamanho das crateras e do descaso na importante rodovia que liga a Zona da Mata à sua mais importante e populosa cidade, Juiz de Fora; bem como ao Sul de Minas. A 267 é a rodovia preferida por muitos que querem chegar a São Paulo. Na famosa parada da rodovia, Queijaria Santa Maria – Seu Mercado da Roça – é comum ver carros parados e trocando pneus, e nós registramos dois casais de idosos que estavam vindo de Piúma-ES com destino a Elói Mendes-MG, e assim como muitos, perdeu um pneu na estrada. “Tivemos que tirar tudo para fora para fazer este serviço”, disse a passageira. De Muriaé mesmo, muitos relataram que tiveram pneus perdidos nesta curta viagem que dura pouco mais de 2 horas.“A BR-267, de Bicas a Juiz de Fora, simplesmente está uma vergonha, intransitável. Nós que precisamos trafegar por ela está complicado a cada dia, e o poder público e os deputados da nossa região não tomam nenhuma providência. Esta rodovia está ruim desde de final de outubro” disse o representante comercial muriaeense, Toninho Galvão. A cada parada para registros, a manifestação dos usuários que vão passando: “vergonha, vergonha”. “Isso mesmo, mostra para as autoridades” além do sinal de negativo. No comércio e postos de combustível beira de estrada, relato de queda de movimento. Todo cuidado e paciência são necessários, pois os veículos em certos trechos precisam trafegar na contra mão. Se chover e encher os buracos de água, o risco de acidente pode triplicar, bem como o de ter os pneus furados.

Todo cuidado e paciência são necessários, pois os veículos em certos trechos precisam trafegar na contra mão. Se chover e encher os buracos de água, o risco de acidente pode triplicar, bem como o de ter os pneus furados.

.

 

 

 

Gari é atropelado por moto enquanto trabalhava

Um gari foi atropelado por uma motocicleta na Av. JK, região da Vila Eudóxia Canêdo,  enquanto trabalhava  por volta das 18h. As primeiras informações dão conta de que gari, que é funcionário do Departamento Municipal de Saneamento Urbano (DEMSUR), de Muriaé, estava trabalhando com um colega, quando pegou uma lixeira grande, levou e jogou o lixo no caminhão, e em seguida voltou e a colocou vazio na calçada; ao retornar para pegar outra coisa, acabou sendo atingido por uma motocicleta na via.O Corpo de Bombeiros e SAMU fez o socorro levando- o para o HSP. Não foi passado detalhes oficiais, o fato será registrado pela Polícia Militar que vai ouvir as partes envolvidas e ver qual foi a causa do acidente.

Queda de muro assusta moradores em Muriaé

Uma caminhonete, Fiat Toro, foi totalmente atingida por um grande muro que desabou na noite   durante forte temporal aqui em Muriaé.; O proprietário do carro relatou à reportagem que estava em casa com a esposa, no bairro Alto da Barra, e por volta das 21h levou um grande susto, sendo surpreendido em seguida, com a queda do muro sobre o automóvel, bem como sobre a parede, ar condicionado e área de lazer.;O carro pode ter sofrido perda total. O incidente aconteceu no local conhecido como  alto da barra